Recrutamento e seleção - Algumas dicas

Recrutamento e seleção. Hoje vou falar com vocês dicas para um processo seletivo assertivo. Sabemos que um processo de recrutamento e seleção depende de muitas variáveis e pode ser muitas vezes muito complexo. E se o recrutamento e seleção não foi realizado de maneira correta, ele pode gerar muitos custos para a empresa.

Publicidade

Tanto o custo de uma contratação errada, quanto custo não mensurável, como por exemplo, a desmotivação de uma equipe que recebeu um colaborador que não estava alinhado com a cultura da empresa, ou até mesmo que apresentava problemas de comportamento que não foram identificados no processo seletivo.

Recrutamento e seleção – Os Custos

Os Custos
Os Custos (Foto: Divulgação)

Sendo assim, a gente vai falar que um pouco sobre os custos de um processo seletivo, ou seja, o orçamento de um processo de recrutamento e seleção. Além do orçamento em si, como o custo de testes aplicados durante o processo de recrutamento e seleção, ou então até mesmo, a hora desse profissional trabalhando durante o processo seletivo, nós temos outros custos indiretos. Quanto mais demorado o processo seletivo, mas ele gerará impactos na área que nós temos essa vaga em aberto.

Publicidade

Impacto na equipe

O primeiro impacto que nós temos na equipe que temos uma vaga em aberto. Essa equipe, ela pode se sentir sobrecarregado por atuar em atividades que não estavam ali no escopo do seu dia a dia, fazendo um acúmulo de demandas em uma sobrecarga realmente da equipe como um todo.

Um segundo impacto, são os processos com gargalos ou até mesmo falhas por não ter um profissional dedicado exclusivamente a eles. E como as empresas têm um alto custo com contratação errada, muitas vezes elas optam por permanecer com aquele profissional, mesmo não sendo a melhor escolha. Porque nós temos um alto custo de treinamento, desenvolvimento, integração, e também pelo processo seletivo em si.

Então a melhor alternativa quando temos uma contratação errada, não é permanecer com essa pessoa, mas sim, realizar um processo de dissertação que você atuou ali naquela vaga.

Os processos de recrutamento

Os processos de recrutamento
Os processos de recrutamento (Foto: Divulgação)

Para a contratação de um profissional, nós temos basicamente dois processos de recrutamento e seleção: o processo de recrutamento interno, e o processo de recrutamento externo.

Essas duas formas são interessantes para um processo seletivo, porém você deve avaliar qual é a situação da empresa e da área em si que nós temos a vaga em aberto, para definir se o processo será externo ou interno. Quando a empresa define selecionar por um equipamento interno por exemplo, seleciona um profissional e depois verifica que ele não foi a melhor escolha, não necessariamente ela precisa fazer um novo recrutamento interno, ele pode mudar o foco e buscar no mercado de trabalho um profissional para ocupar novamente aquela posição.

Quais as vantagens e desvantagens de cada forma de recrutamento e seleção

Em um processo seletivo interno, no qual a gente vai buscar dentro do nosso corpo de funcionários, um profissional para ocupar uma vaga existente na empresa, nós temos algumas vantagens: primeiro que esse profissional já possui a cultura da empresa e já está engajada com as atividades do dia a dia, ou seja, você não vai ter tanto os custos com treinamento e desenvolvimento pra gerar uma adaptação dessa pessoa a empresa, pois ela já está ali habituado ao dia a dia.

Outra vantagem que nós temos esse processo de recrutamento e seleção é o engajamento e a motivação dos colaboradores da empresa, é uma forma de valorização e reconhecimento dos profissionais que já existem na empresa, você utilizá los para uma nova posição em um outro setor, ou então até um carro acima do que ele já ocupava anteriormente.

Outra vantagem é que você já vai conhecer o perfil comportamental desse profissional, você já sabe as potencialidades e as oportunidades de melhoria e pode aproveitá-lo da melhor maneira dentro da empresa. E normalmente, esse processo seletivo interno ele demanda um menor tempo de contratação, uma vez que esse profissional já não precisa passar pelos procedimentos admissionais, ele já está dentro da empresa e somente será transferido de setor ou de função.

Alguns problemas

Alguns problemas
Alguns problemas (Foto: Divulgação)

Porém o processo de seleção interno ele pode gerar uma falta de oxigenação da sua equipe, ou seja, você não vai trazer do mercado, um profissional com novas idéias novas experiências e até mesmo um conceito diferente do que já existe dentro da organização.

Outra lacuna que o processo de recrutamento e seleção interno traz, é uma cultura organizacional conservadora, valorizando apenas as pessoas que estão dentro e não olhando pra fora no mercado de trabalho.

Recrutamento e seleção – Processo de recrutamento externo

Processo de recrutamento externo
Processo de recrutamento externo (Foto: Divulgação)

Já o processo de recrutamento e seleção externo, onde a gente vai verificar profissionais do mercado de trabalho para compor o nosso quadro de funcionários, nós temos outras vantagens.

Temos a entrada de novas pessoas e novos talentos dentro da empresa, trazendo novos conceitos e conhecimentos, contudo o processo de recrutamento e seleção externo, ele é mais demorado, gerando mais custos na empresa, e também pode trazer uma desmotivação para os colaboradores que já estão na empresa. Pois eles não sentiram tão motivados e valorizados assim como no recrutamento interno.

Outro custo que nós temos com o processo de recrutamento externo, é o de treinamento e desenvolvimento, uma vez que esse profissional vem do mercado, ele não está habituado com a cultura e as atividades das função que ele vai atuar. Então ele necessitará de uma carga horária muito grande de treinamento de integração, de socialização, e até mesmo nos processos que ele vai enfrentar no dia a dia.

Uma outra dica que nós damos aqui, é você sempre renovar o seu processo de recrutamento e seleção, ou seja, revisar como está sendo realizado sempre que você tiver uma modificação na descrição da vaga. Ou então nas competências necessárias para aquele cargo, é preciso revisar todas as etapas do processo de recrutamento e seleção, para que você faça um processo assertivo de acordo com a nova demanda.

E quando temos um processo seletivo que não foi bem sucedido, nós não devemos apenas reiniciar o processo, nós vemos antes de abrir uma nova janela de contratação, verificarmos quais são as lacunas, ou seja, quais foram os gargalos que nós tivemos nesse processo seletivo. Esse gargalo ele pode estar relacionado ao processo de divulgação, ao alinhamento da vaga com o gestor, a forma de captação desses candidatos, então você pode verificar vários gaps e atuar em cima deles antes de realmente iniciar um processo de seleção.

Espero que este artigo tenha servido de ajuda para você. Continue sempre acessando todos os nossos outros artigos.

Acompanhe nosso parceiro também, o site Zero um, onde você encontrara diversos artigos cheios de conteúdo. Clique aqui e acesse o site.

Veja também:

Conheça Buenos Aires e saiba o que fazer por lá

Conheça Orlando e seus parques temáticos

Quais os melhores cartões pré-pagos do mercado

Onde encontrar promoção de passagens aéreas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui